Tempo Alfa e Ômega do Cristianismo

por | abr 26, 2011 | Era de Aquário, Espiritualidade, Espiritualidade | 0 Comentários


Alfa é a primeira letra do Alfabeto Grego.
Simboliza o início.
Ômega é a última letra, simboliza a maturidade dos tempos ou o fim dos tempos como se conhecia.

O que era, não é mais…

Durante o início da Era de Peixes, que coincide com a vinda de Cristo, tivemos mais de 300 anos até ser reconhecida e denominada de Era Cristã.
E é assim que a Vida se comporta: os acontecimentos lentamente e de acordo com a adesão social, vão trazendo o Novo
Estamos novamente em uma transição de pensamentos e valores.
A massa está levedada.
É hora de colheita, de escolher o que serviu, o que não serve mais e renovar a vida sobre o planeta Terra.

A grande separação acontece entre os que abriram seus olhos e enxergam a Vida em todo seu esplendor e buscam harmonizar-se com Ela e os que insistem em criar seu mundo particular, buscando viver de ilusões e portanto, desaparecerão junto com elas.

A Visão Progressiva da História ou ainda Arqueologia Vibracional nos permite analisar um tempo de acordo com a realidade daquele tempo. Só assim podemos compreender de acordo com a mentalidade reinante.

Minha visão da Astrologia: não podemos radicalizar nenhum conhecimento, porque a Vida é um tecido interligado que se interpenetra.

Por isso, a astrologia nos auxilia apenas a entender o cenário em que a Vida transcorre na Terra, mas a reação aos acontecimentos depende de nossa capacidade como civilização de responder aos desafios dos tempos que vivemos com sabedoria:

Espiritualidade e Ciência nos ajudando a viver com equilíbrio.

Com fraternidade.

A universalidade de Cristo:
Ser cristão para mim não significa desprezar o ouro das outras sabedorias reveladas por outros mestres. Pelo contrário, Jesus não explicou o que já havia sido revelado, embora tenha dito frases e palavras encontradas em outras sabedorias. A Astronomia, a Astrologia, a Reencarnação, o conceito de Equilíbrio (Yin e Yang) já faziam parte dos conhecimentos da época de Jesus.

Jesus iniciou a Era de Peixes, regida por Netuno.

Eu vos farei pescadores de homens… Como peixes dentro da água, os homens viviam na escuridão e portanto na ilusão, fora dos céus, da luz solar da realidade divina.
A missão de Jesus, como Cristo, foi nos dar condições de conhecer a verdade da Luz.
Cada era dura em torno de 2000 anos e Ele sabia que esse seria o tempo que suas sementes levariam para brotar. Estamos prontos: os que O seguiram durante muitas vidas e depuraram seus corpos astrais estão livres da ilusão mas sua espiritualidade tem a profundidade dos oceanos… Netuno, em meio às trevas, depurou o Amor e o tornou denso, vasto e profundo como o Cosmos, os Céus que nos envolvem.

As dificuldades foram imensas para nós, cristãos.
Perseguidos pelos governos até a morte, culpados por crimes que não cometemos, a coragem dos primeiros cristãos dispostos pelo exemplo de Seu Divino Mestre a irem até as últimas conseqüências para guardarem a Verdade que receberam regaram o planeta com o sangue da nova Vida.

Por causa da era nebulosa de Netuno, mesmo entre os que se diziam cristãos e mesmo papas cometeram atos anti-cristãos como as Cruzadas e retrógrados como os dogmas. Também houve a condenação de conhecimentos tão elucidadores como a Astrologia e as sabedorias de outras fontes, esquecendo que a Verdade pode ter várias faces e que existe uma verdade relativa de cada época. Muitos “cristãos” serviram ao dinheiro, esquecendo-se de Deus…

Mas o mais perigoso foram as interpretações que fizeram das palavras sagradas de Jesus. Muita coisa foi entendida de forma errada. Quando se pede na Bíblia que não se mude um til é isso que se pede: que a interpretação seja correta. Se não, é melhor não dizer nada.
Sabemos que só podemos entender o que nosso cérebro compreende. Quantos de nós tem ou tiveram capacidade de penetrar em Seu Divino Coração a ponto de explicar suas palavras? Não muitos, na verdade.

Parece que ainda muitos não entram e não deixam entrar no Reino dos Céus…

Mas Jesus já sabia de tudo isso: Tu és Pedro e sobre esta pedra edificarei minha Igreja. E as portas do mal não prevalecerão contra elas… Realmente sempre houve em cada época um cristão ou cristã que manteve a beleza do Cristianismo. Assim, os sábios eremitas dos desertos; Santo Agostinho com sua poderosa inteligência, capaz de dizer que “Deus está em mim mais do que eu mesmo”; São Francisco de Assis e Santa Catarina de Sena; os grandes místicos espanhóis Santa Tereza D’Ávila e São João da Cruz; Joana D’ Árc; a espiritualidade puríssima de Santa Terezinha, francesa de Lisieux e que me iniciou nos caminhos da mística; Madre Tereza de Calcutá… e tantos outros.

O tempo está completo, as sementes deram seu fruto e finalmente a revolução que a Era de Aquário proporciona revela tudo que aconteceu debaixo do pano durante a era de Peixes e a Luz volta a brilhar. E Jesus pode ser visto com toda sua glória, a glória de ter com sua vida e suas palavras mudado a face de nosso planeta, e das trevas nos trouxe para a Luz Pura.

Mas qual foi a grande diferença de Sua Vida e dos outros grandes e necessários Mestres?
Não são todos importantes?

A próxima dimensão é marcada pela justiça espiritual: cada qual entra na glória que buscou e mereceu. Porém quem deu mais recebe mais. É uma questão de hierarquia, própria de dimensões onde a justiça reina. Todos estão no Céu, na paz, na ventura, mas cada qual possui a intensidade de luz condizente com o valor de suas obras. Quanto mais luz, mais plenitude.
Há vários sóis porém de várias grandezas, como no céu que a Astronomia já nos revelou.


Cada mestre é único e traz informações peculiares que juntas formam os 360º. da Sabedoria.
Assim como cada planeta contribui com suas características, dons e desafios, e pertencem ao sistema solar, onde o Sol é o regente, podemos dizer que a espiritualidade possui vertentes diferentes que formam um sistema também.
Podemos afirmar que o Sol é hierarquicamente o astro maior de nosso sistema, mesmo sabendo que há outros sistemas muito importantes no Universo. E o Sol recebe essa honra por liberar sua luz para o seu sistema. Sem ele, a vida na Terra não seria possível.


Da mesma forma, através dos tempos tivemos muitos mensageiros de Deus.
O Patriarca Abraão nos legou a Cabala que interpreta o Antigo Testamento sob uma ótica tridimensional, além de suas palavras.
O Rei Salomão em todo o seu esplendor descreve de forma única e magistral as sutilezas desse fino, agudo e santo espírito, o espírito da sabedoria.
Buda ensina o caminho que o levou à iluminação.
Lao Tsé e Kung Fu Tzu descreveram as leis do equilíbrio e nos revelam as leis da natureza nos ensinando como criar equilíbrio com o Ba-guá e as forças de cada direção cardeal.
Na minha visão, cada um desses mestres são como estrelas que formam um sistema que compõe a Sabedoria. Todos são extremamente necessários para que os seres humanos que buscam, encontrem dentro de suas naturezas as informações que necessitam para despertar suas almas que dormem.


E o Sol que rege esse sistema é Jesus Cristo. Seu espírito introduziu o Amor Crístico, um espírito que ainda não havia se manifestado de forma tão pura em nosso planeta. Sem o Amor que Ele viveu e demonstrou em toda a circunstância, toda a sabedoria seria vã. Ele é o sal que dá o sabor para que essas sabedorias sejam úteis como forma de atingir esse amor. Um Amor cujo trono é nosso coração ascendido.
Ele é o Sol que desperta e traz luz e calor ao nosso coração.

A Era de Peixes nos trouxe a valorização da Espiritualidade.
 
A Era de Aquário harmonizará a matéria e o espírito, mostrando que não há conflitos entre os dois.
Na verdade, a matéria é o instrumento do espírito:

Essa é a grande missão do Feng Shui Lógico: harmonizar nossa casa e nossa vida com o o Céu ( o Todo Maior que nos envolve) trazer essa consciência e praticá-la.

TEMPO ÔMEGA do Cristianismo
Fim da Era de Peixes e Início da Era de Aquário

Neste texto, a grande transformação para a Era de Aquário:

2020 A Grande Conjunção Planetária em Março de 2020

 

Stela Vecchi


Download grátis – Leia O Caminho da Sabedoria, de Stela Vecchi

Capa Caminho

A história do Feng Shui Lógico: como nasceu a adaptação do Ba-guá para o Hemisfério Sul?

Leia o Livro Feng Shui Lógico, Stela Vecchi, Ícone Editora, 2004

feng-shui-logico-stela-vecchi-icone-editora

Stela Vecchi

INSCREVA-SE em nosso canal no YOUTUBE e receba vídeos atualizados com dicas e orientações:

Inscreva-se Canal Youtube/Feng Shui Lógico

As melhores energias vêm do amor pela Vida, pelo nosso planeta, pelo nosso solo, pela nossa gente e por nós mesmos. Tudo o mais é consequência disso.

A história do Feng Shui Lógico: como nasceu a adaptação do Ba-guá para o Hemisfério Sul?

Visite também o site: www.fengshuilogico.com

Sobre a Autora

Stela Vecchi

Stela Vecchi estuda sobre Amor e Felicidade há mais de 40 anos. Fundadora da Escola Feng Shui Lógico, também chamado de Feng Shui Solar. É um método prático e consagrado que simplifica o Feng Shui sem alterar sua essência milenar. Feng Shui Lógico busca criar o equilíbrio nos ambientes para facilitar a conquista de seu equilíbrio pessoal. O resultado é uma residência mais aconchegante e que favorece a saúde, a harmonia, a prosperidade. E Amor: sem equilíbrio, o Amor não permanece.

Veja mais conteúdos

Também do seu Interesse

Sincronicidade

2023 é um ano 7

2023 é um ano 7. O desafio de equilibrar as emoções e progredir na espiritualidade.Stela Vecchi, criadora do Método Solar de Feng Shui e Astróloga Humanista reflete sobre as energias dominantes...

Saúde

Como Atrair Mais Saúde

Saúde é um tema sempre muito importante em nossas vidas. Sem ela, pouco ou nada usufruímos das belezas da vida.Conheça formas de aumentar a saúde através do Feng Shui Lógico, que ensina você a...

Comentários

Participe da conversa

0 comentários