O caminho do Cristianismo – Os eremitas. Santo Agostinho. São Bento.

Os eremitas do Oriente, os chamados padres do deserto produziram livros clássicos, como a Filocalia e Relatos de um Peregrino Russo. Esses livros já falam da oração do coração ou da respiração, tão em voga atualmente.
Um grande cristão surgido nestes tempos foi Santo Agostinho, nascido na África do Norte (354 – 430 d.C.), filho de Santa Mônica e de pai pagão.
Converteu-se e tornou-se Doutor da Igreja. Profundo filósofo, seu livro Confissões coloca novas bases para o pensamento católico.
Diante da profundidade do verdadeiro amor, que é o bem em essência, nos diz:

Ama e faze o que quiseres.

São Bento, nascido em Núrsia, na Itália, em 480 d.C., e que vivia em uma gruta perto de Roma, é considerado o primeiro monge ocidental, o pai, ou abade dos monges ocidentais. Abade, como é chamado o superior, significa pai.
São Bento criou a Ordem dos Beneditinos, e é tido como santo exorcista: segundo seus seguidores, a medalha de São Bento tem o poder de afastar o mal para quem a usa com devoção e conhecimento de suas palavras.

Tudo pode ter surgido a partir dessa história:
Conta-se que os próprios monges de sua ordem, diante da disciplina rígida que ele queria lhes impor, certa ocasião tramaram sua morte colocando veneno em seu copo de vinho.
Como de hábito, ao fazer o sinal da cruz que fazia sobre o cálice, este se partiu, revelando-se assim a intenção dos monges a seu respeito. Ao perceber o ocorrido, Bento levantou-se e saiu, retornando à gruta em que vivia só, antes de ceder ao pedido desses monges para ser seu superior.
Você deve estar se perguntando como monges puderam agir desse modo. Verdadeiros santos, puros de intenção e de coração, santos na acepção da palavra são raros na História. O conhecido ditado diz que não é o hábito que faz o monge…
A intenção sincera é sempre o mais importante mesmo, é o que nos justifica.
Só mais tarde é que se criou um núcleo sincero e aí sim, formou-se a primeira comunidade beneditina. A Regra de São Bento, onde ele deixa o modo de vida que segue a Ordem Beneditina tem como lema Ora et Labora ( Reza e trabalha).

Stela Vecchi é escritora e consultora de Feng Shui.
Autora do livro Feng Shui Lógico (Ícone Editora, SP, 2004), ministra cursos de Feng Shui Lógico, técnica que favorece a felicidade porque deixa sua casa harmoniosa e plena de energia benéfica.
Autora do livro No Céu do Hemisfério Sul – Brasil, um Novo Começo, onde analisa a bandeira brasileira de um ponto de vista inédito.
Seu último livro, O Caminho da Sabedoria, é sobre o amor e sobre o verdadeiro significado dos relacionamentos amorosos em nossa vida.

Visite também o site: www.fengshuilogico.com

Fazer um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *